QUAL O IMPACTO DOS JUROS DOS EUA NA ECONOMIA BRASILEIRA?

O Federal Reserve (Fed), Banco Central dos EUA, manteve os juros entre 5,25% e 5,50%, no maior patamar em 23 anos. Essa decisão monetária tem um impacto significativo na economia global e nos ativos financeiros.

  • Siga o canal da Forbes e de Forbes Money no WhatsApp e receba as principais notícias sobre negócios, carreira, tecnologia e estilo de vida

Quando os juros americanos estão elevados, há uma tendência de que o fluxo financeiro se volte para a economia norte-americana, resultando na valorização do dólar em relação a outras moedas. Além disso, a economia global tende a desacelerar, o que pode impactar os resultados das empresas e a saúde econômica, levando à desvalorização de ações e a uma maior volatilidade nos mercados financeiros globais.

Leia também: 

“Os juros dos EUA são como uma bússola para a economia mundial, sendo tão importantes que são chamados de ‘mãe de todas as curvas de juros’”, afirma Isabela Bessa, economista da Warren Investimentos.

No Brasil, os títulos norte-americanos tornam-se mais atraentes em comparação aos investimentos nacionais, promovendo a saída de capital internacional. Até abril deste ano, investidores estrangeiros retiraram R$ 11 bilhões da Bolsa de Valores brasileira. Em 2024, o Ibovespa acumula uma queda de 7%, ficando abaixo dos 120 mil pontos, enquanto o dólar valorizou 9%, sendo negociado acima de R$ 5,40.

“A elevação das taxas de juros nos EUA pode resultar na saída de investimentos do Brasil, seja diretamente ou através do mercado financeiro, provocando uma desvalorização do real e pressões inflacionárias”, explica Guilherme Jung, economista da Alta Vista Research. “Isso ocorre porque muitos bens industriais e importados no Brasil estão atrelados ao dólar”.

Segundo os especialistas, existem ativos que podem proteger a carteira de investimentos em um cenário desfavorável, tais como:

  • Títulos do Tesouro Americano: Considerados um investimento mais seguro, oferecem retornos estáveis.
  • Ouro: Visto como um porto seguro em tempos de incertezas econômicas.
  • Ativos expostos ao dólar: A dolarização do patrimônio se beneficia com a alta da moeda.

“Os investidores podem reduzir o impacto negativo da alta dos juros em seus portfólios, mantendo uma exposição mais segura e resiliente às mudanças nas condições de mercado”, conclui Jung.

2024-06-12T22:57:09Z dg43tfdfdgfd